O CUB (Custo Unitário Básico) é um dos principais indicadores da construção civil do Brasil. O objetivo é mensurar as variações de custos básicos da construção no país e pode ser utilizado para reajuste de preços em contratos de compra e venda de imóveis, inclusive na planta.

 

Mensurado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), o índice CUB, considera:

● Insumos: materiais e mão de obra;

● Despesas administrativas: contabilidade e gastos gerais;

● Equipamentos: considera uma seleção de objetos para o cálculo.

 

Historicamente, o índice não tem grandes oscilações, salvo no período de reajustes salariais dos trabalhadores da construção – que pode variar de estado para estado. Desde 2010, este indexador permanece entre 5 e 9% ao ano.

 

Antes de comprar um imóvel, sobretudo na planta, em que o contrato seja indexado pelo CUB ou qualquer outro índice, planeje-se!

O CUB/m2 é calculado mensalmente em cada estado através do Sinduscon e deve ser divulgado até o dia 05 de cada mês. No nosso caso é Calculado pelo Sinduscon- SC, e todos podem consultar a tabela do CUB gratuitamente nesse link: http://sinduscon-fpolis.org.br/index.asp?dep=56

Segue um exemplo de contrato indexado com variação do cub:

Primeiro vamos analisar a tabela de variação do CUB do ano de 2015:

Fonte: Sinduscon-SC

De janeiro até agosto tivemos uma varição de 7,29% no valor da unidade do CUB. Então, uma unidade de CUB no mês de janeiro era R$ 1.425,91 e no mês de agosto era R$ 1.526,37. Esses 7,29% é a variação do CUB.

Na compra de um apartamento no valor de R$ 130.000,00 (cento e trinta mil reais), onde R$ 110.000,00 (cento e dez mil reais) foi financiado e o restante, R$ 20.000,00 (vinte mil reais), foi parcelado em 24 parcelas direto com a construtora corrigido pelo CUB. O valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) é convertido em CUB’s. Dividindo os R$ 20.000,00 (vinte mil reais) pelo valor do CUB vigente no mês da negociação (R$ 1.425,91 – janeiro/2015), temos o valor em CUB, 14,026. O valor de 14,026 CUB’s é que temos que dividir por 24 parcelas, chegamos no valor da parcela, que é

0,584 CUB’s. Aqui onde temos que ter muita atenção, não dividimos R$ 20.000,00 em 24 parcelas, e sim os 14,026 CUB’s , que ficou com a parcela de 0,584 CUB’s por mês.

No mês de fevereiro os 0,584 CUB’s convertido em Reais é R$ 835,34. No mês de março o valor em Reais é R$ 836,94, e assim mês por mês temos que fazer o cálculo de conversão dos valores em CUB para REAIS, que é feita da multiplicação do valor da parcela em cub (0,584 CUB’s) pela cotação da unidade do CUB do mês (R$ 1.425,91 – fevereiro/2015). Por isso temos pequenas variações no valor da parcela.

Um outro exemplo bem simples é fazer a conversão de moedas do Dólar para o Real. Em uma dívida de U$ 50,00 (cinquenta Dólares) aonde a cotação do Dólar no dia é de R$2,60, a valor a ser pago em Reais de R$ 130,00. Mas no dia seguinte a cotação do Dólar é de R$2,80, e o valor corrigido pelo Dólar passa a ser R$ 140,00.

Agora ficou simples, sempre que alguém tiver uma dúvida sobre o CUB, você terá a resposta na ponta da língua.

Compartilhar:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

VEJA TAMBÉM

QUERO

COMPRAR

TIRE SUAS

DÚVIDAS

SIMULE SUAS

PARCELAS

FALE COM UM

CONSULTOR

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.